8 dicas para controlar a raiva em qualquer lugar

0 192

Essas dicas podem ser utilizadas nos momentos de birra e surtos de raiva da criança. O ideal é que sejam ensinadas em momentos de calma, por várias vezes, para que, na hora em que ela perder o controle, possa lembrar ou ser lembrada das alternativas que tem para se acalmar. Todas ajudam a relaxar o corpo e religar a parte racional do cérebro. E servem para os adultos também! Que tal testar essas técnicas antes de reagir a um mau comportamento do seu filho?

1. Contar até 5 (ou 10).

Contar é uma ótima maneira de ajudar a criança a parar um momento para poder religar o cérebro e pensar antes de reagir quando vem a raiva ou algum sentimento difícil.

2. Respirar profundamente (cheirar a flor e soprar a vela).

Respirar fundo é uma técnica excelente de relaxamento para qualquer idade. Não importa como esteja se sentindo, respirar fundo algumas vezes pode acalmar o corpo rapidamente.

3. Soprar dentro das mãos.

Esta é outra maneira de respirar fundo. Ao soprar dentro das próprias mãos – e não no ar – a criança pode sentir a força de suas expirações, se concentrar mais e controlar melhor a respiração.

4. Colocar as mãos nos bolsos ou sentar em cima delas.

Esse ato dá à criança uma sensação de pressão e restrição física, o que também ajuda a controlar e se acalmar, sem que um adulto tenha que segurá-la.

5. Reconhecer as sensações que a raiva traz.

É importante que a criança comece a notar o que acontece no seu corpo quando está com raiva. Como seu rosto fica? Há calor e tensão no seu corpo?

6. Fechar as mãos com força e depois relaxá-las.

Apertar as mãos como se fosse dar um soco e em seguida relaxá-las é uma maneira de aliviar a tensão acumulada no corpo. Normalmente a criança não percebe como seu corpo está tenso quando ela está tão irritada.

7. Escanear as sensações do corpo.

Ela começa pela cabeça e vai descendo por todo o corpo, prestando atenção a cada parte, percebendo onde há tensão e relaxando esses músculos.

8. Pedir um abraço.

Abraços fazem tudo melhorar. Abraçar alguém querido nessas horas ajuda a acalmar.

* Por Cristina Nunes, educadora parental certificada pela Positive Discipline Association @maisconexao_disciplinapositiva.

Inteligência Emocional

Na seção Inteligência Emocional aprendemos como ajudar nossos filhos a reconhecer e identificar as emoções corretamente. A partir do autocontrole emocional, a criança está preparada para vivenciar situações várias de uma maneira equilibrada. Descubra mais:

Disciplina Positiva

Através da Disciplina Positiva aprendemos a centrar-nos em potenciar habilidades em nossos filhos para que possam ser capazes de solucionar problemas por eles mesmos. Também reconhecemos que castigos físicos e psicológicos não são recursos que favoreçam a criar crianças com autonomia, responsáveis e independentes. Saiba mais:

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.