Cada etapa da infância tem seus medos

0

É normal que as crianças tenham medos. Uma pena é que nós, como adultos, tentamos sempre reprimir essa emoção na criança. Se tem medo do escuro, em lugar de entender essa fase, debochamos, humilhamos ou ironizamos essa emoção.

Em lugar de dizer: “Você é grande para ter medo de escuro. Deita e dorme!.”, o melhor seria mostrar compreensão: “Sei que você tem medo do escuro. Vou deixar a luz acesa até que você durma.”.

Saber quais são os medos mais frequentes de cada etapa da infância pode ajudar-nos, como pais, a compreender melhor nossos filhos e apoia-los.

Lembre-se de que são fases e os progressos que façam, naturalmente, lhes permitirá vencer esses obstáculos.

Leia também: O medo é uma emoção normal em seu filho

– Medos de 0 a 6 meses

. medo de cair, perder o equilíbrio.

. ruídos fortes, objetos que aparecem bruscamente em seu campo de visão.

– De 7 meses a 1 ano

. angustia da separação

. abandono

. caras desconhecidas

. ruídos fortes

– de 1 a 4 anos

. angustia da separação

. ruídos fortes

. escuridão

. mudanças no entorno

. Papai Noel

. palhaços

. sensações passageiras: tormentas, cachorros grandes…

– De 4 a 8 anos

. sensações específicas: insetos, médicos…

. medos gerados pela atualidade: guerras, atentados, catástrofes…

. feridas corporais

. separação e abandono

. monstros e criaturas sobrenaturais

. estar sozinhos

– De 8 a 12 anos

. deveres e controles

. resultados acadêmicos

. feridas corporais

. medos sociais

. morte

. aparência física

você pode gostar também

Comentários

Loading...