Criação com ApegoSER PAIS

Nascer com a bolsa de líquido aminiótico

nascer com a bolsa de liquido aminiotico

Poucos bebês nascem com a bolsa de líquido aminiótico intacta, especialmente em hospitais. Há uma falsa crença de que romper, de forma artificial, a bolsa, acelera o trabalho de parto e aumenta  a intensidade das contrações. Mas, a evidência científica tem nos mostrado que está longe de ser a realidade.

Romper a bolsa de líquido aminiótico não acelera o trabalho de parto de início espontâneo e tem importantes riscos que incluem o prolapso de cordão, alteração na frequência cardíaca do bebê e maior risco de parto cesariana. Sempre interferindo com a fisiologia em uma tentativa de ajudar. Mas não ajudamos as mães se não entendemos a fisiologia mais básica e perpetuamos práticas daninas.

Os bebês podem nascer com a bolsa íntegra. De fato, o nascimento é mais suave quando isso acontece. Popularmente se diz “parto velado criança sortuda”. Deixemos seus corpos tranquilos e acompanhemos desde o respeito e a evidência.

* Texto de Laia Casadevall Castañé, ginecologista.

** Foto de Samantha Evans – Sevan Photography.

Criação com Apego

Na seção Criação com Apego você encontra textos interessantes sobre como podemos criar nossos filhos com amor, respeito e firmeza. Prepararmos para ser pais é algo importante. Saber como podemos estabelecer o vínculo com nossos filhos, educando-os sem gritos, ameaças e castigos também. Acesse:

Posts relacionados

Comunicar com a pele

O sorriso do bebê: um sinal importante

Permita-se morrer!

A importância do contato pele a pele quando nasce o bebê

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *