O aleitamento materno na escravidão

0 24

Li um texto muito interessante sobre a importância do leite materno para salvar muitos homens escravos durante o período da escravidão. Fiquei impactada com a narrativa sobre o aleitamento materno na escravidão, pois mostra o quanto a raça negra sofreu nesse período. No entanto, deixa a certeza de que a nosso lado podem estar soluções únicas para resolver problemas. O amor ao próximo é um caminho para a paz no mundo. O leite materno salva vida dos nossos pequenos, mas também salvou a vida de muitos homens.

Leia a história e deixe-se impactar por essa narrativa.

O aleitamento materno na escravidão

É sabido que, durante a época da escravidão, na América, as e os escravizados viveram as mais diversas situações vexatórias e maus-tratos da parte de seus amos. Nesse contexto, era habitual que um escravo, logo de ser açoitado, fosse deixado vários dias à intempérie sem alimentos.

Os amos tinham por costume querer matar de fome os escravos mais rebeldes, para que servisse de advertência aos demais. Entretanto, a resistência às práticas escravistas sempre estiveram presentes. Assim, muitas mulheres negras que haviam parido recentemente, se arriscavam a amamentar, às escondidas, os homens escravizados que tinham sido castigados. Queriam aliviar sua fome e evitar que morressem por falta de alimentos. O leite materno salvou muitas vidas nesse período.

aleitamento materno na escravidao
Pintura de Carl Guerrier

Visto em Maternidade y Crianza.

As amas-de-leite na escravidão

O relato apresentado me impactou de verdade. pois o que conhecia do período da escravidão era a existência das amas-de-leite, mulheres negras escravas que se viam obrigadas a alimentar e a criar os filhos de seus amos. Seu ofício não era pago, como pode imaginar. Mas, sua tarefa era a de alimentar todos os bebês brancos antes do seu próprio filho.

Muitas vezes, seus bebês morriam por falta de alimentação. Para tentar que sobrevivessem, as negras alimentavam os filhos com jarras de água suja e leite de vaca. Era uma realidade dura e cruel para muitos bebês, filhos de escravas, que não puderam ser alimentados por suas mães.

Enfim, são histórias realmente interessantes, ao mesmo tempo que difíceis de digerir. O recado que fica de tudo isso é que sim, o leite materno é amor. O leite materno é vida. Se você tem seu pequeno e pode, não deixe de amamentá-lo. O leite materno é o primeiro alimento funcional da vida da criança.

aleitamento materno na escravidao 01

Criação com Apego

Na seção Criação com Apego você encontra textos interessantes sobre como podemos criar nossos filhos com amor, respeito e firmeza. Prepararmos para ser pais é algo importante. Saber como podemos estabelecer o vínculo com nossos filhos, educando-os sem gritos, ameaças e castigos também. Acesse:

você pode gostar também

Comentários

Loading...