Quando você se dá conta que sua filha é criativa!

0

De repente você está observando como sua filha ou seu filho brinca. E se dá conta de que, com apenas um ano, sua filha é criativa. Isso nos passou justo ontem. Notei que nossa filha estava entediada. Aquele pingo de gente sem saber o que fazer. Percebi que queria companhia ou que lhe desse alguma ideia do que brincar naquele momento.

Eu estava ocupada arrumando a cozinha. Enquanto guardava os utensílios nos armários, dei-lhe uma peneira e uma vasilha de plástico para saladas. Levei-a até a piscina de bolinhas. Coloquei dentro da vasilha umas cinco bolas e lhe mostrei uma vez como era possível pescar cada uma delas com a ajuda da peneira.

Pronto! Laura esteve jogando uns 30 minutos. Super concentrada, se divertia pescando as bolas e devolvendo-as à piscina. E vice-versa.

sua filha e criativa

Lógica estabelecida no jogo

Sabemos que os bebês passam por diversas fases. Uma delas, a que está Laura, os bebês aprendem conceitos de dentro e fora, por exemplo. Se tornam mestres em encaixar uma peça dentro da outra. Não importa que objetos sejam. Isso é o já esperado, pois já sabíamos que esta etapa é assim e que, já em andamento no caso de Laura, também a fase de empilhar.

Enquanto Laura brincava com o novo jogo improvisado, usou uma lógica que ainda não havíamos visto. Na hora de pescar, se dava conta de que, quantas menos bolas na vasilha, mais difícil era capturá-las com a peneira. Então, ela mesma, quando faltava uma bola, já tratava de encher novamente a vasilha com mais bolas para voltar a esvaziá-las.

Para nós pais, talvez por corujice, nos pareceu uma lógica interessante e, até mesmo, sofisticada para o bebê.

Minha filha é criativa!

Não bastasse o uso da lógica na hora do brincar, demo-nos conta de que Laura é criativa e já capaz de reinventar um brinquedo. Isso nos pareceu o máximo! Passados mais de 30 minutos pescando bolinhas na vasilha, ela se cansou. Bom, se cansou das bolas.

Pegou a peneira e a vasilha e foi até o cesto de peças de construção. Decidiu recomeçar o jogo com as peças em formatos geométricos.

É assim como ficamos fascinados vendo como nossa pequena aprende sobre o mundo.

Criança brinca de qualquer coisa

Que bonito é ver uma criança brincar. É incrível sua capacidade de reinterpretação dos jogos. De fato, investimos em jogos que possam auxiliar o desenvolvimento cognitivo e motor de nossos filhos. Mas, simples ideias e, realmente, com pouca coisa podemos nos surpreender muito com a capacidade lógica e criativa dos bebês.

você pode gostar também

Comentários

Loading...