Disciplina PositivaSER PAIS

Roda de opções para o controle da raiva

roda das opcoes

A roda das opções para o controle da raiva é uma excelente ferramenta da Disciplina Positiva que ajuda nossas crianças a ter opções para canalizar, saudavelmente, suas emoções de raiva, frustração ou ira.

O segredo desta ferramenta, como a grande maioria das ferramentas da Disciplina Positiva, está em construir a roda junto com a criança. Para isso, o adulto lhe comenta que, na cartolina, construirão uma roda de opções de coisas que a criança poderá fazer quando se sentir com raiva. Em seguida, o adulto lhe pergunta: “Que coisas você acha que pode fazer no lugar de gritar, bater, quebrar, etc… quando está com raiva?“. Depois de perguntar, o pai deve dar tempo para que a criança responda com ideias de ações alternativas ao que, usualmente, faz quando sente raiva.

É muito provável que, quando o pai fizer a pergunta, a criança não saiba o que responder. Isso é normal porque, de antemão, as crianças não sabem como manejar, assertivamente, suas emoções. Por isso, o pai deve apoiar a criança com ideias que estejam de acordo com sua idade, condição e personalidade da criança. As novas opções devem ser alternativas aceitáveis para canalizar a raiva. Por exemplo, pular, retirar-se do lugar com calma, pedir um abraço, correr em círculos, abraçar um urso de pelúcia, desenhar, respirar, soprar borbulhas, lavar a cara ou as mãos, amassar papel, dizer o que sente, etc…

Quando essa chuva de ideias estiver pronta no papel, é o momento de passar para a roda

Aplicando a roda das opções

As opções (entre 3 e 8) podem ser desenhadas pela criança, ou mesmo o pai pode tirar uma foto dela realizando a ação. Imprime-se a foto e, posteriormente, a criança é quem a cola na roda.

Assim que a roda estiver construída, o pai conversa com seu filho para lhe explicar que todas as emoções são válidas e que as temos porque cada uma delas tem uma função. No  entanto, é necessário aprender como expressá-las saudavelmente, ou seja, sem causar dano a outros ou causar dano a si mesmo. Nessa conversa, o pai também mencionará que, quando observe que seu filho está começando a sentir raiva por algo, o convidará a se dirigir à roda de opções para que possa escolher algo “antes de estourar”. Quando a emoção diminuir de intensidade, ambos conversarão sobre a situação para enfocar na busca de soluções.

Cada família deve escolher as ferramentas que melhor se adaptem a seu sistema familiar, mas, o que é geral a todo contexto e família, é lembrar que nós, os adultos, somos os que primeiro devemos exemplificar todas aquelas habilidades que desejamos mostrar a nossos filhos. Portanto, a roda de opções para o controle da raiva, deve ser também uma excelente ferramenta para nós.

* Texto de Carla Herrera, treinadora de Disciplina Positiva e assessora de Criação Respeitosa.

Disciplina Positiva

Através da Disciplina Positiva aprendemos a centrar-nos em potenciar habilidades em nossos filhos para que possam ser capazes de solucionar problemas por eles mesmos. Também reconhecemos que castigos físicos e psicológicos não são recursos que favoreçam a criar crianças com autonomia, responsáveis e independentes. Saiba mais:

Posts relacionados

A verdadeira origem das crianças inseguras e desobedientes

Limites segundo a Disciplina Positiva

Meu filho mente. E agora?

Quando uma criança não pode se acalmar precisa de conexão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *