Livre para ser princesas

Somos as feministas que eles quiseram ter. Somos as feministas que cresceram querendo jogar futebol, não porque gostassem do futebol (talvez também), mas sim porque era de meninos. Que queriam colecionar figurinhas, jogar bafinho ou…