BrincadeirasBrincadeiras antigasBrincadeiras de rodaBrincadeiras folclóricasBrincadeiras recreativas

Brincadeiras folclóricas: o que são e quais as mais populares no Brasil?

brincadeiras folcloricas

Você sabe quais são as brincadeiras folclóricas mais populares em nosso país? As brincadeiras do folclore são aquelas que sobrevivem na cultura das várias regiões do país. E continuam vivas graças a que os pais e escolas transferem o saber brincar para as próximas gerações de crianças. Nesta publicação, vamos descobrir o que são as brincadeiras folclóricas e quais as mais tradicionais e populares em nosso país. Também vamos descobrir a sua importância na Educação Infantil.

Para celebrar o Dia do Folclore Brasileiro, em 22 de agosto, sempre vem bem relembrar os jogos e brincadeiras folclóricas com as nossas crianças. Convido vocês a fazer um repasso das mais tradicionais e populares!

O que são as brincadeiras folclóricas?

Os jogos e brincadeiras folclóricas, como já mencionado, são aquelas passadas de geração a geração. São tão antigas, que já não tem um autor conhecido e, muitas vezes, é até difícil precisar sua verdadeira origem.

A brincadeira folclórica, ainda que possa ser conhecida nas várias regiões do país, também podem sofrer variações de seus nomes e, mesmo, de suas regras, segundo a cultura.

A importância das brincadeiras folclóricas na Educação Infantil

Durante a Educação Infantil, é muito importante trabalhar as brincadeiras folclóricas com as crianças. Isso porque, além de proporcionarem um momento de diversão e entretenimento do grupo, desenvolve habilidades cognitivas, motoras, sociais e emocionais. Proporcionam o desenvolvimento da criatividade e da concentração.

E, não podemos nos esquecer que, trazer esse brincar folclórico para a vivência cotidiana das crianças é manter viva a nossa cultura, a nossa essência.

Antes de propor uma das brincadeiras do folclore para a Educação Infantil, tenha em conta os espaços e a quantidade de alunos. Se é necessário fazer a proposta dividindo-os em grupo ou todos em um único. Uma brincadeira como esconde-esconde pode ser divertida com muitos participantes, mas um cabra-cega pode ser que se torne tedioso para muitas das crianças que fiquem à espera de serem pegas pelo jogador vendado.

Brincadeiras folclóricas populares

Convidamos você a repassar algumas das brincadeiras folclóricas mais populares na cultura brasileira.

1. Amarelinha

Será das brincadeiras folclóricas mais populares de nosso país. Também é conhecida como maré, sapata, avião, academia, macaca e amarelinha. No chão é desenhada uma sequência de quadrados, geralmente de 1 a 10. Do início, a criança deve jogar, na primeira casa, uma pedrinha. Depois deve salta-la e seguir pulando, com um ou dois pés, cada quadra até chegar ao céu. Ao voltar, recomeça, jogando a pedrinha no número seguinte.

Se participam dois ou mais jogadores, ganha aquele que conquistar todos os números primeiro, pulando sem pisar fora ou na quadra que contém a pedra.

2. Batata quente

Batata quente é uma brincadeira antiga que pode contar com participantes bem pequenos, a partir dos 3 anos. Todas se sentam em uma roda e um adulto ou uma das outras crianças ficam de fora, de costas. Começa a brincadeira e o objeto pode ser uma batata ou uma bolinha que vai passando de mão em mão enquanto a pessoa que está de fora vai cantando: “batata quente, quente, quente… queimou”. Ao dizer “queimou”, a criança que tiver com o objeto na mão abandona a brincadeira. Tudo segue até sobrar uma única criança que se torna a vencedora.

3. Cabra-cega

Cabra-cega é uma das nossas brincadeiras folclóricas mais divertidas. Simples e muito interessante. Um dos participantes tem os olhos vendados com um tecido. Primeiramente, ele deve ser girado em torno de seu próprio eixo para que perca um pouco a orientação espacial. Isso torna o jogo mais divertido. Em seguida, deve sair a procura de outros participantes. Ao encontrar um deles, deve, sem tirar a venda dos olhos, acertar seu nome. Se isso ocorre, o jogador pego é o novo cabra-cega.

4. Cabo de guerra

O cabo de guerra é uma brincadeira utilizada com uma corda. A dinâmica funciona através da formação de dois grupos adversários que devem se situar nos extremos da corda. No chão, desenha-se o limite. Cada grupo deve puxar a corda para o seu lado, arrastando a equipe adversária. Quando alguém do grupo passa a linha demarcada, termina o jogo. Ganha o grupo que tiver maior força.

5. Cama de gato

Esta é uma brincadeira folclórica bem conhecida que se brinca com um barbante. Trata-se de trançar um barbante entre os dedos das mãos, deixando o polegar de fora. A criança vai alterando as figuras formadas até conseguir uma definida. Os participantes se revezam na tentativa de retirar o barbante da mão do jogador com o cuidado de não desfazer a figura escolhida pela primeira criança.

6. Cinco Marias

Umas das brincadeiras folclóricas bem populares entre as crianças. Elas podem brincar usando pedrinhas ou pequenos saquinhos de pano com areia dentro. O objetivo é reunir cinco saquinhos e testar habilidades manuais e agilidade. Coloque os 5 saquinhos perto de você de modo que estejam próximos uns dos outros. Jogue o primeiro saquinho para cima ao mesmo tempo em que pega outro. Aumente o número de dificuldade a cada nova jogada. Por exemplo, joga um para cima, joga outro e pega um terceiro antes de que o primeiro caia. Ah, cair na sua mão. O saquinho não pode cair no chão. Você deve ser ágil para jogar e pegar os saquinhos com as mãos.

7. Dança da cadeira

A dança da cadeira é uma brincadeira folclórica muito animada. Os jogadores giram ao redor de uma roda de cadeiras que deve ter sempre um número a menos que a quantidade de participantes. Enquanto a música está tocando, todos circulam em volta da roda de cadeiras. Quando para a música, todos devem se sentar. O jogador que não conseguir uma cadeira para se sentar é eliminado e o jogo continua. O jogo segue até que sobre apenas uma cadeira e dois participantes. O ganhador é aquele que consegue se sentar ao parar a música.

8. Elefantinho colorido

Certamente, elefantinho colorido é uma das brincadeiras mais conhecidas entre as crianças. Uma delas comanda o jogo e, diante dos demais participantes, grita: “Elefantinho colorido!”. Todas respondem: “Que cor?”. A criança diz o nome de uma cor e todas as demais devem correr para encostar em alguma coisa que tenha a cor mencionada. A criança que comanda corre para pegar alguma criança antes que ela encoste em algo que contem a cor. Se conseguir pegar algum dos participantes antes, este é capturado. Ganha a criança que conseguir ficar imune até o final.

brincadeiras folcloricas forca

9. Forca

O jogo forca é um dos mais antigos que existem. Um jogador escreve numa folha o desenho de uma forca e os traços que representam a quantidade de letras da palavra a ser adivinhada. Um ou mais jogadores devem dizer, por turnos, uma letra. A cada letra inexistente, é desenhada uma parte do corpo do enforcado. O jogo termina quando alguém acerta a palavra ou quando o número de erros forma a palavra de um corpo completo de um boneco na forca.

10. Gato mia

Tal como a cabra-cega, o gato-mia é uma brincadeira para ser feita em grupo. Elas se diferenciam porque, no caso de gato-mia, a pessoa vendada encosta em outro jogador que emite o som de um gato. E é, através desse miado, que a pessoa vendada deve adivinhar quem é. Se isso ocorre, o jogo passa para a pessoa tocada. Do contrário, a pessoa vendada deve fazer nova tentativa de descobrir quem é o próximo jogador encontrado.

11. Esconde-esconde

Um jogo folclórico divertidíssimo é o esconde-esconde. O ideal é brincar com mais de 4 jogadores em um espaço onde haja lugares interessantes para se esconder. Um deles deve contar, geralmente até 10, de olhos fechados, até que todos se escondam. O local da contagem é utilizado para imunizar os outros. Daí que, em alguns lugares, essa brincadeira seja bem conhecida como pique-esconde.

Se o último jogador conseguir chegar ao pique sem ser pego e disser a frase “salvo o mundo”, todos os jogadores pegos são salvos. Se isso ocorrer, a mesma pessoa deve realizar a contagem novamente.

12. Passa anel

Passa anel é um jogo folclórico para brincar em grupo. Um dos participantes é escolhido para passar o anel pelas mãos das outras crianças. Em fila, todos permanecem com as mãos unidas em forma de concha.

O passador deixa, sem que os demais notem, o anel na mão de algum dos jogadores. Ao terminar , escolhe um dos jogadores para adivinhar quem ficou com o anel. Se este não acertar, começa a brincadeira, novamente, com aquele que ficou com o anel.

13. Pega-pega

Aqui não tem segredo, né?! Esta é uma brincadeira muito conhecida. Trata-se, simplesmente, de pegar um dos participantes. Então, uma das crianças é escolhida ou sorteada para ser o pegador. E, assim, começa a brincadeira. Ao tocar um dos outros participantes, este passa a ser o próximo pegador.

14.  Pular corda

Pular corda é uma das brincadeiras folclóricas mais conhecidas entre crianças com mais de 6 anos. Enquanto duas pessoas balançam e rodam a corda, as demais devem pular. É muito divertido porque, a partir do uso de uma única corda, há uma série de jogos que podem ser feitos, envolvendo cantigas populares.

Sale
Pula Corda Cabo de Corda de Nylon Embalagem Plástico Carlu Brinquedos 2 M
  • Pula corda
  • Com 2 metros de comprimento, cabos de madeira (empunhadeira) e corda de nylon
  • Embalagem: saco plástico com solapa colorida em papel couchê
15. Queimada

A queimada é um jogo para ser feito em grupo, dividido em duas equipes com números equivalentes. um traçado no chão define o limite do campo de cada uma delas. Os participantes do time devem tentar acertar a bola nos jogadores adversários até que todos sejam queimados.

Esse é um jogo folclórico com regras bem definidas, embora seja muito fácil de jogar. Basicamente, os jogadores devem respeitar o limite de seu campo. Se invadir o espaço adversário, perde a bola. Claro, a bola pertence sempre ao campo em que ela estiver. O jogador é queimado quando a bola toca nele e cai no chão. Se o jogador consegue parar a bola com as mãos, é seu direito de tentar queimar alguém do outro time.

Brincadeiras infantis

Brincadeiras para uma infância rica e feliz. Isso é o que você encontra nesta seção repleta de ideias de brincadeiras para fazer sozinho, em família, com amigos. Dicas de jogos legais para fazer em casa, na rua, na escola. Modos distintos de brincar: com bola, de roda, com corda… Enfim, um universo rico de coisas bonitas que podemos fazer no dia a dia com as crianças.

Posts relacionados

Brincadeira do ovo na colher - Objetivo e regras

Vamos brincar de estátua? Regras da brincadeira

Cabra-cega brincadeira recreativa

Quantos Sacis Existem Aqui?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *