Disciplina PositivaEducação Emocional

Como desenvolver a inteligência emocional nas crianças

desenvolver inteligencia emocional

Se existe a felicidade, ela passa pelo desenvolvimento da inteligência emocional. Pessoas que sabem identificar e manejar corretamente suas emoções tem mais chances de ser felizes. Isso pelo simples motivo que aprendem a ter controle emocional e, portanto, lidam melhor com as situações adversas. Como pais, acreditamos que é fundamental desenvolver a inteligência emocional nas crianças.

Desde pequenos, podemos ajudar nossos filhos a aprenderem a identificar as emoções. Também como manejá-las. Essa não é uma tarefa fácil, mas tampouco impossível. Uma vez que incorporemos determinadas atitudes em casa, permitiremos à criança desenvolver a inteligência emocional.

Como desenvolver a inteligência emocional nas crianças

Tomar suas próprias decisões

A autonomia e a confiança podem ser reforçadas desde que nossos filhos são bebês. Podemos guiá-los para que aprendam a tomar suas próprias decisões. Por exemplo, podemos deixar-lhes escolher a roupa ou o calçado que desejam usar durante o dia. Também devemos deixar que brincam do que quiser, sem ter que estar determinando o que ele deve fazer.

Nesse processo de aprendizado, quando vemos que a criança não sabe se decidir, podemos dar-lhes duas ou três opções. Essa é uma forma de fechar o leque de possibilidades, oferecendo-lhe a oportunidade de tomar uma decisão mais correta.

Recomendamos que leia a publicação abaixo:

Maneja das emoções

Para fortalecer a inteligência emocional dos nossos pequenos, eles devem aprender a identificar suas emoções como as dos demais. Papai e mamãe podem ajudá-los com os meios adequados para expressar, canalizar e manejar suas emoções, as positivas e as negativas. Lendo estes posts, você pode compreender como podemos ajudar nossos filhos a administrar suas emoções:

Também, em nossa web, você pode encontrar uma série de recursos para trabalhar as emoções com os filhos.

Aprender com exemplo

As crianças aprendem de uma melhor maneira quando damos um exemplo. Às vezes parece que não nos escutam, mas tenhamos certeza de que estão muito atentos ao que fazemos. A inteligência emocional não é uma exceção à regra. Falar sobre as emoções e como manejá-las nos momentos de dificuldade podem trazer resultados positivos. Por exemplo, se você se chateia, diga a seu filho que está chateada e o porquê. Dê sempre nome às emoções e explique o que ocorre quando se sente assim.

Para o trabalho com as emoções, recomendamos um recurso super interessante, o Emocionário:

Aprender com os erros

Cada erro que cometa será fundamental para ensinar nossos filhos a irem adiante. Eles devem aprender que dos erros e fracassos é possível aprender lições de vida importantes. Como? Por exemplo, evite rotular a criança por seus erros. Mostre-lhe, com exemplos, que os erros também fazem parte da vida.

Confiança e comunicação

A confiança entre pais e filhos deve ser construída desde que nascem. Essa é uma forma de que os pais e filhos aprendam a comunicar seus sentimentos. Fale sobre tudo com seu filho. Fomos criados para acreditar que as crianças não estão preparadas para entender o que os adultos dizem. Essa é uma equivocação.

As crianças tornam-se mais seguras e confiantes quando lhes falamos com a verdade. Praticar a escuta e a comunicação ativa ajudam a desenvolver a confiança entre pais e filhos.

Ser empáticos

Uma parte importante da inteligência emocional é a empatia. Para isso, nossos filhos precisam aprender a identificar suas emoções e a estar conscientes dos sentimentos dos demais, começando pelos sentimentos de quem comparte o mesmo lar. Perguntas simples, do tipo: “como acha que ele se sentiu?” pode ajudar a criança a se colocar no lugar do outro.

Inteligência Emocional

Na seção Inteligência Emocional aprendemos como ajudar nossos filhos a reconhecer e identificar as emoções corretamente. A partir do autocontrole emocional, a criança está preparada para vivenciar situações várias de uma maneira equilibrada. Descubra mais:

* Foto: @Telemundo

Posts relacionados

Como ajudar uma criança a expressar seus sentimentos?

Livros infantis sobre emoções para crianças

Casa dos sentimentos e emoções - livro infantil

Como eu me sinto - Coleção de livros infantis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *