A igualdade de gênero começa com a educação

0 175

Azul ou rosa? é um livro escrito por Fernanda González Viramontes, uma menina de 9 anos. Está dedicado às meninas e aos meninos, para que descubram, observem, conheçam a sociedade e o tipo de convivência que compartilham. Escrito com uma linguagem simples e cativante, pretende conscientizar as crianças sobre a importância da igualdade de gênero existir. As pessoas deveriam viver de maneira igualitária, com os mesmos direitos e obrigações para dividir em harmonia o mesmo lugar em que vivemos.

O livro é muito interessante e todas as crianças do mundo deveriam ter oportunidade de lê-lo. A mensagem é muito efetiva. Ela acredita que havendo cooperação e acordos entre homens e mulheres é possível chegar à igualdade. Trata-se de uma lição e tanta não apenas para as crianças, mas também para nós pais. Ela nos chama a refletir como é o nosso entorno e o que podemos fazer para melhorá-lo e promover a igualdade entre homens e mulheres. Enfim, fica claro que a igualdade de gênero começa com a educação. Está em nossas mãos educar nossas crianças para ver como normal a igualdade entre meninos e meninas.

Veja abaixo 6 lições de Fernanda sobre a igualdade de gênero:

Desigualdade de gênero

“Talvez você se pergunte:

O que é a desigualdade de gênero? Em breves palavras são as diferenças que existem no tratamento entre mulheres e homens.

Todos os dias a vivemos: em casa, na rua, na escola, no trabalho, e em todas as partes onde exista uma convivência entre mulheres e homens. Poderá notar que a desigualdade que existe no tratamento para umas e outros é enorme.”

igualdade-de-genero-educacao-infantil-01

O que passa na sua casa?

Fernanda convida as outras crianças a refletir:

“O que faz sua mãe?

O que faz seu pai?

Que trabalhos realizam as meninas?

Que trabalhos realizam os meninos?

Acho que posso adivinhar:

Mamãe se encarrega do cuidado e da educação das crianças, dos trabalhos domésticos e tudo o que tenha a ver com o lar, mas também tem que trabalhar igual ou mais do que o homem.”

Uma família que vive com igualdade é uma família mais feliz

“Devemos parar para pensar:

Seria mais fácil se todos ajudássemos em casa com as tarefas?

A cooperação e ajuda entre todas e todos os integrantes do lar facilitariam as tarefas diárias em casa.”

Há desigualdade de gênero na sua escola?

“Há duas filas, uma para meninas e outra para meninos?

Sabe quem avança primeiro?

No recreio, quem ocupa a maior parte da área para brincar, as meninas ou os meninos?

É necessário reflexão, trabalho e justiça. Só assim veremos a igualdade.”

igualdade-de-genero-educacao-infantil-04

A televisão promove a desigualdade de gênero

“A televisão está cheia de comerciais que mostram as meninas e as mulheres como objetos ou manequins. Nela passam coisas que, talvez, as vejamos como normais e cotidianas, mas que, na realidade, existe um alto grau de desigualdade.

Espero que, logo, meninas e mulheres estejam nos programas televisivos em que sua inteligência e ideias sejam tomadas em conta.”

Os adultos inculcam a desigualdade de gênero nas crianças

“Desde pequenos nos dizem com que brincar e com que não. E me pergunto: Acaso os brinquedos não foram feitos para brincar?

A distinção e a desigualdade de gêneros nos ensinam desde muito pequenos. Às meninas nos educam para brincar com vassouras, ferro de passar roupa e panos.

E, aos meninos lhes dão de presente pistolas para jogos violentos, carros, motos, entre outros.

As pessoas adultas quase sempre impõem que jogos e com que brinquedos podemos brincar. Preparando as meninas para trabalhos domésticos e as meninos para serem violentos e arbitrários.”

Só as meninas tem lágrimas?

“O mais estranho e raro que escutei dizer das pessoas adultas, é quando um menino chora. Dizem-lhe: “Não chore que parece menina” e eu me pergunto:

Só as meninas tem lágrimas?”

A educação depende do sexo da criança

“Se de algo estou segura é que as meninas e os meninos somos educados de maneira muito diferente, dizendo-nos o que está permitido cada um fazer ou não.

O que nos ensinam depende muito do sexo e de como foi educada a pessoa adulta que nos diz como nos comportarmos.

Ou seja, a maneira em que ela ou ele foram educados é a que ensinarão às suas filhas e filhos e, inclusive, às meninas e aos meninos que estejam em seu entorno, para que imitem seu comportamento.”

igualdade-de-genero-educacao-infantil-03

A igualdade de gênero é possível

“Pensei muito se existe uma solução para isso e o que poderíamos fazer meninas e meninos para conseguir uma mudança.

  • Primeiro, lembrar que todas e todos temos direitos à igualdade e é uma necessidade exigi-la.
  • Segundo, que a igualdade de gênero é uma ferramenta necessária para conviver em harmonia entre mulheres e homens.”

Tratamento igualitário em casa

“Gostaria que você parasse para pensar no seguinte:

Os pais tem filhas, os irmãos tem irmãs e para todos nossa mãe é muito importante.

Com isso quero lembrar que todas e todos temos uma menina e uma mulher próximo e gostaríamos que vivesse da melhor maneira, com respeito, amor, carinho e cuidados. Mas, sobretudo, com os mesmos direitos que todo ser humano merece.

Meninas e meninos tem as mesmas capacidades e inteligência, por isso somos igualmente valiosos.”

  • Recomendamos que visite nossa categoria sobre Educação Emocional e descubra informações valiosas para criar nossos filhos com amor, respeito e firmeza.
  • Baixe o livro Azul ou rosa?

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.