Há bastante tempo tenho dado voltas sobre a importância da ficha de leitura para a criança. Será que é efetivo para a criança a reprodução das fichas de leitura para aprender a ler ou para entender o conteúdo de um livro. 

O que é uma ficha de leitura?

Uma ficha de leitura é uma das atividades praticadas no sistema escolar retrógrado. A criança deve preencher uma ficha com dados biográficos do livro lido, bem como aspecto e resumo do texto. 

Essa é uma atividade que, a meu ver, já não deveria ser uma prática nas nossas escolas. Por quê? Simplesmente, porque nada mais é do que uma forma de controle da leitura que o aluno faça e que pouco lhe acrescenta. 

Quais os objetivos de uma ficha de leitura?

Avançamos um pouco mais. Quais são os objetivos de preencher uma ficha de leitura? Em tese, o que se busca é:

  • Desenvolver o hábito de leitura
  • Despertar o gosto pela leitura
  • Desenvolver a criatividade
  • Melhorar a expressão escrita
  • Formar o pequeno leitor

Vejamos, desses objetivos mencionados, o único que pode ser aproveitável é a melhora da expressão escrita que, perfeitamente, pode ser alcançada de tantas outras maneiras. 

A ficha de leitura não desenvolve o hábito de leitura. O que desperta o hábito de leitura é o acesso continuado aos livros. Se em casa não há livros e a escola apenas lhe oferta a possibilidade de ler livros uma vez à semana, dificilmente, os livros farão parte do cotidiano da criança a médio e a largo prazo.

Não desperta o gosto pela leitura. Pois claro que não! Preencher uma ficha de leitura não fará a<criança gostar de ler. O mais provável é que o efeito seja o contrário. Imagina, ter que preencher essa ficha chata. Sempre o mesmo. Cada vez mais ler se torna uma atividade pesada e chata.

Como uma ficha de leitura pode desenvolver a criatividade? Se alguém souber como, me informa. Vejo impossível. A ficha não é um convite a recriar a história, mas apenas a resumi-la.

Formar o pequeno leitor a partir do preenchimento de fichas é uma pretensão pouco ambiciosa por parte do sistema educativo de ensino. Há muitas outras possibilidades interessantes e eficazes de formar o pequeno leitor.

Cantinho da leitura: o que é, como fazer, benefícios e ideias

Como se faz uma ficha de leitura?

Simplesmente não faça uma ficha de leitura. Tenha o hábito de ler em casa para as crianças. Na escola, também, desenvolva o espaço de leitura semanal, um lugar onde os alunos se sentem no chão e escutem a leitura de um texto. 

Quando for ler o livro, tenha em conta, mostrar às crianças a capa. Nela, destacar: nome do autor, ilustrador, editora… Se você o faz cada vez que lê um livro, nossos meninos e meninas já sabem onde estão essas informações e a leem com naturalidade. 

Após a leitura, converse com a(s) criança(s). Elabore perguntas interessantes que despertem a curiosidade. Certamente, está bem perguntar quais são os personagens, onde ocorre a narrativa, quando… Enfim, contextualizar a narrativa. No entanto, podemos expandir a leitura: tal personagem agiu corretamente? O que você faria se passasse isso com você? O que sentiu a personagem quando isso ocorreu?

Dessa forma, estamos buscando criar leitores críticos, capazes de perceber detalhes da história quando essa é transposta para seu pequeno mundo. 

Então, para fazer uma ficha de leitura, o melhor é ter em conta o momento da leitura, seguindo a estrutura abaixo:

  • Leitura da capa: título, autor, ilustrador.
  • Ler a ilustração e, a partir dela, perguntar sobre o que poderia tratar o texto.
  • Ler o texto do livro, destacando as ilustrações.
  • Ao final, fazer perguntas para a interpretação do texto. 
  • Fazer perguntas que levem à reflexão do texto. 
  • Propor alguma atividade para brincar com a narrativa. 

Tenha em conta que a ficha de leitura deve ser um recurso para você, não uma forma de controlar o que a criança lê.

Brincar com livro: Um presente diferente

Se você quer formar um pequeno leitor, busque criar propostas interessantes que motivem a busca por novas leituras. Ao fazer o trabalho contínuo de leitura dirigida, será a própria criança a ler os livros desde uma perspectiva mais curiosa e atenta. O gosto pela leitura fluirá, sem que você precisa controlar o que leu ou não. 

Na nossa web, há uma variedade de atividades para que as crianças possam fazer a partir de leitura de livros. Dê uma olhada na categoria História Infantil.

Atividades de Educação Infantil para crianças

Atividades para Educação Infantil é uma seção da nossa web que traz um monte de atividades interessantes para trabalhar com nossos filhos. Todas elas apresentam objetivos claros para o desenvolvimento emocional, motor e intelectual da criança. Visite:

Author

2 Comments

  1. Marta Emília Soares Placideli Reply

    Sou professora de Língua Portuguesa é concordo com o que acabei de ler sobre as habilidades de leitura, sempre li na sala de aula ou em outros lugares da escola, no pátio, na biblioteca ou fazíamos uma roda embaixo de árvores, os alunos se interessam mais quando havia questionamentos sobre a narrativa ou enredo no momento da leitura, eu também fazia perguntas relacionadas ao seu cotidiano , porém com a pandemia tenho que pedir que leiam em casa e preciso enviar a ficha de leitura ,para saber se leram mesmo, mas é muito vago pois sei que muitos alunos podem recorrer à internet para completar essa ficha, mas é o que temos no momento.

  2. Lauro Alves Reply

    Na verdade o que desperta o prazer de ler um livro pela criança é o tipo de livro. Eu, quando criança, odiava ler os livros indicados pela escola. Na adolescência, passei a devorar os livros que eu gostava, pois estavam alinhados com o que eu gostaria de ler. Vejo o sistema de leitura de livros infantis no Brasil muito atraso. O meu filho lê o que ele deseja e eu não interfiro, pois a autonomia para ler o que deseja deve partir da criança. No quarto dele há prateleiras de livros na altura dele (montessoriano), para que o mesmo pegue o que gostar no momento.

Deixe Uma Resposta