8 Atividades sensoriais para bebês inspiradas em Montessori

0 10.571

Através dos jogos e brincadeiras o bebê descobre o mundo. Através do tato, ele explora tudo a seu redor. Gosta de sentir as texturas, perceber formas e cores dos objetos. Nós adultos devemos deixá-los livres para conhecer o que está no seu entorno. No entanto, podemos ajudá-los oferecendo determinados recursos que lhe permitem estabelecer associações e comparações entre os distintos objetos. Estas 6 atividades sensoriais para bebês inspiradas em Montessori são muito interessantes para fomentar o seu desenvolvimento psicomotor.

Cesta dos tesouros

cesta dos tesouros montessori 12

A cesta dos tesouros é um cesto ou gaveta com objetos de diferentes materiais, pesos, texturas, cores e odores para que os bebês os experimente. Nesse jogo, a criança manipula elementos da natureza ou de seu entorno cotidiano. Todos esses objetos estimulam seus sentidos e suas capacidades (motoras, cognitivas e comunicativas), além de que facilitam o seu desenvolvimento. Essa é uma atividade indicada para bebês a partir dos seis meses, quando já são capazes de permanecer sentados.

No artigo “Cesta dos tesouros Montessori” você descobre mais sobre essa atividade sensorial e como montar uma para seu bebê.

Mesa de experimentação

mesa de experimentacao montessori 03

A mesa de experimentação (em nossa casa usamos a bandeja) é uma atividade muito útil para a criança a partir de um ano, quando se mantém de pé, com soltura. Essa jogo sensorial é muito divertido para as crianças que aprendem através dos cinco sentidos. A mesa de experimentação permite a vivência do mundo a partir da brincadeira. Ao brincar com a mesa de experimentação, as crianças aprendem sobre pesos, temperaturas, texturas, cores, volumes, vocabulários. Além disso, a manipulação contribui para melhorar suas habilidades, coordenação motora fina e grossa.

Veja, no nosso blog, mais informações sobre a mesa de experimentação ou bandeja Montessori.

Mesa de luz

mesa de luz sensorial

A mesa de luz para criança é um recurso inspirado na pedagogia Reggio Emilia. Ela possibilita o contato com materiais conhecidos através de uma nova linguagem. O contato com a luz permite que o mesmo material seja visto de outra forma, com outra composição e contexto. Em casa, por falta de espaço, optamos por uma caixa de luz que podemos colocar sobre a mesa de atividades de Laura como apoio.

No blog, há um post dedicado à mesa de luz, seu significado, benefícios e atividades para fazer com as crianças. Veja como auxiliar o desenvolvimento da criatividade a imaginação das crianças a partir do uso da luz.

Caixas de estimulação sensorial

caixa de estimulacao sensorial montessori 01

Entre 1-5 anos, podemos propor uma atividade sensorial similar à cesta dos tesouros. Aqui, no entanto, optamos por um jogo com caixas de papelão, de plástico ou outros recipientes. Podemos escolher temáticas, como as estações do ano, por exemplo. Também podemos usar a caixa de estimulação sensorial para esconder objetos e, com o toque, a criança deve descobrir do que se trata. As possibilidades são várias e todas elas visam a estimular os sentidos da criança e o seu desenvolvimento psicomotor e de linguagem.

Veja na publicação Caixa de estimulação sensorial algumas ideias e como usá-las para auxiliar o desenvolvimento das crianças.

Tapete de atividades

Tapete de atividades sensoriais no estilo Montessori 01

O tapete de atividades é um clássico entre os brinquedos dos bebês. No entanto, acreditamos que esse jogo pode se estender até as crianças de 5 ou 6 anos. Tudo depende de como você proponha a atividade. Lembremos que as crianças de 0-6 anos estão em uma contínua busca por conhecer o mundo e a si mesmo. Sempre podemos encontrar materiais que desconhece e que trazem sensações distintas ao tato.

Veja o post sobre Tapete de atividades sensoriais e descubra ideias incríveis de como fazer um em casa para seus filhos.

Painel sensorial

painel sensorial montessori 16

O painel sensorial é uma atividade enfocada no tato. Pode ser feita para bebês a partir de 6 meses de idade (quando já permanecem sentados) até 2-3 anos. Para os bebês, o painel traz distintas texturas para que toquem e percebam suas diferenças. À medida em que vão crescendo, podemos modificar o painel para que pratiquem a coordenação motora fina, segundo sua fase de desenvolvimento. Já com 2-3 anos, podemos optar por um painel mais complexo com fechaduras variadas.

No post Painel sensorial de atividades para bebês, veja como fazer um para seu filho, seus benefícios e inspirações.

Garrafas sensoriais

garrafas sensoriais

As garrafas sensoriais são uma atividade enriquecedora para bebês em criança. Favorecem o desenvolvimento dos sentidos, em especial a audição e a visão. Ao trazerem objetos distintos em forma, peso e tamanho, permitimos que compreenda esses conceitos a partir da observação.

Bolsas sensoriais

bolsas sensoriais montessori 01
@Growing a jeweled rose

Com as bolsinhas de congelação é possível fazer bolsas sensoriais para que os bebês experimentem e explorem o mundo de outra maneira. Particularmente, apenas propus esta atividade à Laura uma vez. Fiz uma bolsa com corantes alimentício e gel de barbear. Nossa filha não curtiu muito. Tratava de pintar sem se sujar. Eu não ligo para a sujeira que faça quando está criando e brincando.

Na realidade, eu prefiro que ela experimente o mundo sem intervenção. A bolsa, em si, já é uma barreira para sentir o objeto que leva dentro. Claro que, muitas vezes, pode ser útil se o que desejamos é colocar peças pequenas que o bebê pode levar à boca. Eu prefiro esperar as fases de desenvolvimento para que possa conhecer as coisas do mundo por suas próprias mãos e sem qualquer intervenção.

Se você quer oferecer a seu filho as bolsas sensoriais, dedicamos um post para que você possa se inspirar.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.